«No regime neoliberal da autoexploração a agressão é dirigida contra si mesmo. Esta autoagressividade não converte o explorado em revolucionário, mas em depressivo.»

(Buyng-Chul Han [Seul, 1959] – filósofo e ensaísta sul-coreano, professor da Universidade das Artes de Berlim, Alemanha)

Quem sou eu

São Paulo, SP, Brazil
Sou presbítero da Igreja Católica Apostólica Romana. Fui ordenado padre no dia 22 de fevereiro de 1986, na Matriz de Fernandópolis, SP. Atuei como presbítero em Jales, paróquia Santo Antönio; em Fernandópolis, paróquia Santa Rita de Cássia; Guarani d`Oeste, paróquia Santo Antônio; Brasitânia, paróquia São Bom Jesus; São José do Rio Preto, paróquia Divino Espírito Santo; Cardoso, paróquia São Sebastião e Estrela d`Oeste, paróquia Nossa Senhora da Penha. Sou bacharel em Filosofia pelo Centro de Estudos da Arq. de Ribeirão Preto (SP); bacharel em Teologia pela Pontifícia Faculdade de Teologia N. S. da Assunção; Mestre em Ciências Bíblicas pelo Pontifício Instituto Bíblico de Roma (Itália); curso de extensão universitária em Educação Popular com Paulo Freire; estou reiniciando o meu Doutorado em Letras Hebraicas pela Universidade de São Paulo (USP). Estudei e sou fluente em língua italiana e francesa, leio com facilidade espanhol e inglês.

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Nova edição da Bíblia em árabe

Caterina Foppa Pedretti 

"Um dom precioso para os cristãos da Terra Santa”
Com estas palavras, o site da Custódia Franciscana da Terra Santa anunciou a nova edição da Bíblia em árabe

A Tipografia Franciscana em Jerusalém (Franciscan Press Printing) imprimiu duas versões "valiosas" da Sagrada Escritura em árabe. A primeira versão - diz o site - contém o Antigo e o Novo Testamento, em formato maior, e custa 100 NIS (New Israel Shekel). A segunda versão inclui apenas o Novo Testamento e está disponível ao preço de 15 NIS e de 10 NIS com a capa flexível.


Para a nova edição, a Custódia Franciscana comprou a tradução da Bíblia feita pelos jesuítas da St. Joseph University, em Beirute, no Líbano, e confiada à gráfica franciscana, que mais de 150 anos atrás, começou suas atividades imprimindo a Bíblia em árabe.


É "uma iniciativa de grande valor, que será uma resposta concreta ao apelo da Igreja Católica, que convida toda a comunidade de fiéis a redescobrir as raízes da fé cristã, o fundamento e o sentido da nossa vida de fé e a nossa missão como discípulos de Cristo", acrescenta o site.


Para a Custódia Franciscana, “a leitura e o conhecimento da Bíblia e a meditação constante de seus textos e de sua mensagem de salvação são elementos indispensáveis para a construção da identidade cristã e para a adesão mais perfeita ao projeto de Deus para o homem".


"Para aqueles que vivem e trabalham na Terra Santa, para os cristãos que formam a comunidade local - prossegue o site - a relação com a Bíblia é, certamente, enriquecida por uma experiência especial, por um contato direto com o contexto humano, geográfico, social e cultural em que Jesus viveu, e assim se torna a força motriz de uma sensibilidade e de uma intencionalidade para a proteção e preservação da Terra Santa cristã e de sua grande herança cultural e espiritual”.


Como um gesto importante, a Custódia deu a todas as paróquias da Terra Santa duas cópias da Bíblia completa e dez cópias do Novo Testamento com capa dura e flexível, “desejando aos sacerdotes de continuar o incansável trabalho pastoral, que a Custódia acolhe e apóia, e busca difundir a Palavra de Deus para que todos conheçam a obra do Senhor na história humana e a missão de Jesus, enviado pelo Pai para a salvação do mundo inteiro”.


A iniciativa, oferece "um serviço a todos os cristãos e, sobretudo, aos fiéis da Terra Santa", acrescenta "outra peça preciosa na história, que vê protagonista este extraordinário livro da Revelação de Deus", que "ainda hoje, interpela o coração do homem, abre horizontes de sentido sempre novos, convida ao diálogo com Deus ao longo de estradas originais e da reflexão, ajuda a reviver a experiência de fé na terra de Jesus”.


(Tradução:MEM)


Fonte: ZENIT. ORG - 28 de fevereiro de 2012 - Internet: http://www.zenit.org/article-29805?l=portuguese

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.