«Em terra de Maria-vai-com-as-outras cada um sabe, ou deveria saber, onde sua inteligência o acompanha ou o abandona.»

(Henrique Musashi [44 anos] – poeta e artista cearense)

Quem sou eu

Jales, SP, Brazil
Sou presbítero da Igreja Católica Apostólica Romana. Fui ordenado padre no dia 22 de fevereiro de 1986, na Matriz de Fernandópolis, SP. Atuei como presbítero em Jales, paróquia Santo Antönio; em Fernandópolis, paróquia Santa Rita de Cássia; Guarani d`Oeste, paróquia Santo Antônio; Brasitânia, paróquia São Bom Jesus; São José do Rio Preto, paróquia Divino Espírito Santo; Cardoso, paróquia São Sebastião e Estrela d`Oeste, paróquia Nossa Senhora da Penha. Sou bacharel em Filosofia pelo Centro de Estudos da Arq. de Ribeirão Preto (SP); bacharel em Teologia pela Pontifícia Faculdade de Teologia N. S. da Assunção; Mestre em Ciências Bíblicas pelo Pontifício Instituto Bíblico de Roma (Itália); curso de extensão universitária em Educação Popular com Paulo Freire; tenho Doutorado em Letras Hebraicas pela Universidade de São Paulo (USP). Atualmente, realizo meu Pós-doutorado na PUC de São Paulo. Estudei e sou fluente em língua italiana e francesa, leio com facilidade espanhol e inglês.

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Um milhão de pessoas se suicidam por ano no mundo, afirma OMS


DAS AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS

Leste europeu tem as taxas mais altas, de acordo com relatório
Um milhão de pessoas se suicidam por ano no mundo, um número maior que o de vítimas de guerras e homicídios, segundo relatório da OMS (Organização Mundial de Saúde).

O documento do órgão da ONU foi elaborado para a décima edição do Dia Mundial de Prevenção de Suicídio, que aconteceu ontem.

As taxas de suicídio mais elevadas são a dos países do leste da Europa, como Lituânia ou Rússia, enquanto as mais baixas se situam na América Central e do Sul, em países como Peru, México, Brasil e Colômbia.

EUA, Europa e Ásia estão na metade da escala. Não há estatísticas sobre o tema em muitos países africanos e do Sudeste Asiático.

Segundo o relatório, uma pessoa se suicida no mundo a cada 40 segundos. O número de tentativas de suicídio também é alto, com 20 milhões de tentativas por ano.

A organização diz ainda que o problema está se agravando e que o suicídio se transformou em um problema de saúde importante para a entidade.

Segundo o médico Shekhar Saxena, que apresentou o relatório à imprensa em Genebra, "o suicídio é uma das grandes causas de morte no mundo e, durante os últimos anos, sua taxa aumentou em 60% em alguns países".

FACEBOOK

Uma nova estratégia nacional para prevenir suicídios nos EUA, especialmente entre os veteranos de guerra e jovens, recorre ao Facebook, a aplicativos de celular e a outras tecnologias.

O plano tem um novo serviço do Facebook, que permite que os usuários relatem comentários suicidas de seus amigos. O site então manda à vítima em potencial um e-mail pedindo que ela ligue para uma linha direta de apoio e ajuda e converse via chat com um conselheiro.

Fonte: Folha de S. Paulo - Saúde+Ciência - Terça-feira, 11 de setembro de 2012 - Internet: http://www1.folha.uol.com.br/fsp/saudeciencia/65587-um-milhao-de-pessoas-se-suicidam-por-ano-no-mundo-afirma-oms.shtml

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.