«Somente a turba e a elite podem ser atraídas pelo ímpeto do totalitarismo. As massas precisam ser ganhas por propaganda.»

(Hannah Arendt [1906-1975] – filósofa alemã de origem judaica, uma das mais influentes do séc. XX)

Quem sou eu

Jales, SP, Brazil
Sou presbítero da Igreja Católica Apostólica Romana. Fui ordenado padre no dia 22 de fevereiro de 1986, na Matriz de Fernandópolis, SP. Atuei como presbítero em Jales, paróquia Santo Antönio; em Fernandópolis, paróquia Santa Rita de Cássia; Guarani d`Oeste, paróquia Santo Antônio; Brasitânia, paróquia São Bom Jesus; São José do Rio Preto, paróquia Divino Espírito Santo; Cardoso, paróquia São Sebastião e Estrela d`Oeste, paróquia Nossa Senhora da Penha. Sou bacharel em Filosofia pelo Centro de Estudos da Arq. de Ribeirão Preto (SP); bacharel em Teologia pela Pontifícia Faculdade de Teologia N. S. da Assunção; Mestre em Ciências Bíblicas pelo Pontifício Instituto Bíblico de Roma (Itália); curso de extensão universitária em Educação Popular com Paulo Freire; tenho Doutorado em Letras Hebraicas pela Universidade de São Paulo (USP). Atualmente, realizo meu Pós-doutorado na PUC de São Paulo. Estudei e sou fluente em língua italiana e francesa, leio com facilidade espanhol e inglês.

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Ordenação de homens casados pode estar próxima

Cardeal Reinhard Marx revela que o Papa pensa
em abolir o celibato clerical

Cameron Doody
Religión Digital
14-11-2017

Cardeal convida toda a Igreja a um amplo debate sobre o assunto.
Sobre o acesso ao sacerdócio dos chamados “viri probati” e também de
outras possíveis novas formas de liderança eclesial 
CARDEAL REINHARD MARX
Arcebispo de Munique e Freising na Alemanha, Presidente da Conferência Episcopal Alemã
e membro do grupo de cardeais que assessora Papa Francisco

O debate sobre a ordenação de homens casados já está sobre a mesa do Papa Francisco.

Durante um encontro, na semana passada, do Comitê de Católicos de Baviera, o purpurado alemão qualificou o desejo dos setores da Igreja onde mais se sofre a escassez de sacerdotes como “legítimo” e algo que “deve ser discutido”.

Segundo informa katholisch.de, o cardeal Reinhard Marx, arcebispo de Munique e Freising, também defendeu que, embora “isto não signifique que exista um impulso direto de Roma” para abordar esta problemática, o Papa já está pensando nela, e uma vez que a tenha por bem, “falará com seus conselheiros”, de modo que possa ser pensada e discutida na Igreja em geral, em “todas as suas vertentes”.

E embora tenha revelado estes progressos na questão da consagração dos viri probati – os homens com particular experiência em suas paróquias e com uma virtude e maturidade cristãs comprovadas –, o também presidente dos bispos alemães se referiu em termos mais sombrios sobre outa solicitação de grandes partes da Igreja, como é a ordenação das mulheres.

“Não há movimento” neste último, afirmou o cardeal, acrescentando que embora não possa “prometer nada”, neste momento, sobre se a ideia de mulheres diaconisas e sacerdotisas se tornará realidade ou não, está seguro que o debate continuará.
PAUL MICHAEL ZULEHNER
Teólogo e sacerdote católico austríaco, professor emérito e
um dos mais conhecidos e conceituados sociólogos
da religião da Europa

E não é que o cardeal Marx seja o único que está ansioso em implementar na Igreja novas formas de liderança tais como podem ser os padres casados ou as mulheres sacerdotisas. O teólogo Paul Zulehner concordou com o prelado em suas pregações para o futuro, sustentando, no mesmo encontro em Baviera, que “viveremos para ver” a abolição do celibato clerical na Igreja, “caso ninguém dê um tiro no Papa ou lhe envenene antes”.

“É um erro subordinar a celebração da Eucaristia ao celibato dos sacerdotes”, sustentou o teólogo vienense em seu discurso.

Traduzido do espanhol pelo Cepat. Acesse a versão original deste artigo, clicando aqui.

Fonte: Instituto Humanitas Unisinos – Notícias – Quarta-feira, 15 de novembro de 2017 – Internet: clique aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.